COLUNA DO JORGE DIAS

A sinuca por  Jorge Dias

NONA   COLUNA

CURVA À DIREITA

CURVAS DA BRANCA- À DIREITA E À ESQUERDA

A bola de jogo com efeito à direita faz curva no sentido do lado direito da bola-alvo. A bola de jogo com efeito à esquerda faz curva no sentido do lado esquerdo da bola-alvo. O raio da curva está na proporção direta da extensãoda tacada. Sabendo-se desse princípio, o jogador pode ajustar e calcular o efeito em cada tacada, para atingir a bola-alvo no ponto desejado. Geometricamente pode-se dar uma tacada matando a bola-alvo no seu ângulo de 180º. As linhas do centro da caçapa à bola-alvo, e a desta à bola de jogo( a branca ), formam um ângulo de 90º( ângulo reto ). É o próprio "fino". Tacada esta sem efeito. Física e geometricamente pode-se "matar" a bola-alvo sob um ânguloligeiramente menor do que 90º, entretanto a tacada deve ser dada com efeito. EFEITO REVERSO- É aquele que você aplica na bola de jogo( a BRANCA ) para atingir a bola-alvo, e a partir  desse momento, mudar de direção que seria normal se a tacada fosse dada no ponto central da BRANCA. Quando a BRANCA atinge a tabela, muda  de direção. A TABELA - No esporte da SINUCA, a tabela é utilizada para encaçapar uma bola( DOUBLÉ ); para sair de sinuca; para dar sinuca; para refletir os efeitos sobre  a BRANCA; sobre a bola-alvo, e principalmente para preparar a tacada seguinte. "colar" a BRANCA na tabela é um dos recursos técnicos mais utilizado pela maioria dos grandes jogadores para dificultar a tacada do oponente. O DOUBLÉ.-Na parte da madeira da tabela, foram colocadas marcas, chamadas de "diamantes"que são pequenos losangos, ou pequenos circulos, dispostos geometricamente, mantendo uma relação entre eles, e o conhecimento preciso dessa relação geométrica da direção que a bola-alvo vai tomar, é um grande recurso técnico no esporte da SINUCA. Nesse caso a tacada é realizada sem efeito. No centro da BRANCA.

Até a próxima...

Nona coluna continuação

A sinuca

por  Jorge Dias

Embora seja infinito o número de pontos em que se pode tocar a bola BRANCA, é importante se definir os 7 (sete) pontos ou áreas em que se pode dar a tacada. Tomando-se a BRANCA e imginando-a desenhada com duas circunferências que representam seus dois eixos: o horizontal e o vertical, estudam-se as tacadas : 1- SEGUIDA; 2- PRESA; 3- PUXADA; 4- EM CIMA À ESQUERDA COM EFEITO; 5- EM BAIXO À ESQUERDA COM EFEITO; 6- EM CIMA À DIREITA COM EFEITO; 7- EM BAIXOÀ DIREITA COM EFEITO. Todas essas tacadas não tem um ponto absolutamente certo, nem mesmo  a tacada de PRESA, que é dada num ponto ligeiramente abaixo do cruzamento das duas circunferências(dois eixos), que é o CENTRO  da bola. Cada jogador irá treinar para "descobrir" que ponto é esse ligeiramente abaixo da linha horizontal( no centro da bola ) em que a BRANCA deve ser tocada para ser uma PRESA perfeita.

BOLA  5 (CINCO) NA RETA DE UMA DAS CAÇAPAS DO MEIO À 20 CM DA BOLA -ALVO APROXIMADAMENTE.

1-     SEGUIDA- Quando se atinge  a BRANCA na linha vertical (linha da circunferência- eixo vertical)acima da linha horizontal, ela gira sobre seu próprio eixo, de baixo para cima, e continua girando dessa maneira após  atingir  a bola-alvo. Qual a distância que ela percorrerá após o encontro? Depende da intensidade  aplicada na tacada. Quando se deseja dar uma tacada SEGUIDA para preparar a 5(cinco) novamente para a outra caçapa do meio, não se dá essa tacada com muita força( intensidade ), pois corre-se o risco de , se a SEGUIDA for muito grande, SUICIDAR. Quando a tacada de SEGUIDA é entre  duas bolas que estão numa distância bem superior à que está sendo estudada( 20cm), a quantidade de voltas que a BRANCA dá em torno do seu próprio eixo é bem maior. A intensidade da tacada determinará aqui, também, pois a BRANCA continuará a girar  de baixo para cima após atingir a bola-alvo, em que lugar vai parar.

2-     PRESA- Quando se toca a BRANCA logo abaixo do seu eixo horizontal, ela gira muito pouco, de cima para baixo e pára de girar tão logo atinja a bola-alvo. Aqui a intensidade da tacada na BRANCA determinará  a velocidade em que a bola-alvo será encaçapada, contudo, se for muito forte pode a bola-alvo voltar para dentro da mesa, não sendo encaçapada. Não é comum acontecer assim.  Quando acontece, é o couro da caçapa que não está na altura adequada, e é ele que ao receber o choque da bola-alvo, a devolve com a mesma intensidade, não permitindo que seja encaçapada. O ideal, ou o certo, é que haja  uma curvatura do couro para dentro da caçapa, e nesse caso,  mesmo que a tacada seja bem forte, essa curvatura do couro encaminhará a bola para dentro da caçapa,  tornando a tacada, mesmo um pouco mais forte, um tacada normal, sem prejuizo para o jogador.

3-     PUXADA- Na tacada de PUXADA, a bola BRANCA gira de cima para baixo e após o choque ela volta, em linha reta, na direção do lugar de origem da tacada. É preciso, como sempre, estar concentrado na tacada. A tacada é no centro da BRANCA e não pode ser muito forte, pois ela poderá voltar direto para dentro da caçapa. Se não houver uma dosagem de força nessa tacada, pode suicidar.   As tacadas acima, SEGUIDA, PRESA  e PUXADA, foram realizadas no eixo vertical da BRANCA. Os quatro tipos de tacadas que serão estudados a seguir são todos abaixo ou acima do eixo horizontal, tendo o eixo vertical para separar os lados direito e esquerdo da BRANCA.

Até a próxima ....

E-mail : jorgedias@domain.com.br - jorgedias_649@msn.com

site: http://www.jorge.dias.nom.br

Site da FSBERJ: http://www.riosinuca.com.br

Site SPORTmania: http://www.sportmania.com.br/

Jorge Dias

Fechar a Janela